Estrutura

   

   No ano de 2006, para atender a demanda do mercado, a Farmoderm ampliou o seu Laboratório de Controle de Qualidade, disponibilizando um maior espaço para acondicionamento de suas matérias-primas em estoque suficiente para atendimento de seus clientes.

 


 

   Visando  atender às normas exigidas pela Anvisa (Resolução RDC 67/07), a Farmoderm reformulou novamente, em 2007, o espaço físico de seus laboratórios com a criação do Laboratório de Hormônios (dotado de câmara/sala com pressão negativa e antecâmara com pressão positiva, garantindo um ambiente livre de contaminantes externos e proteção ao meio ambiente, proporcionado por sistema de exaustão com filtros de ar).